SP +55 11 3060 2300
RJ +55 21 2114 4444
DF +55 61 3344 0433

SP 55 11 3060 2300
RJ 55 21 2114 4440
DF 55 61 3344 0433

Facebook

Instagram

Twitter

LinkedIn

Menu
 

A Importância das Entidades Beneficentes de Assistência Social

COVAC SOCIEDADE DE ADVOGADOS > Eventos  > A Importância das Entidades Beneficentes de Assistência Social

A Importância das Entidades Beneficentes de Assistência Social

A Importância das Entidades Beneficentes de Assistência Social

Lançada nesta quarta-feira (22), a pesquisa “A contrapartida do setor filantrópico no Brasil”, realizada pelo Fórum Nacional das Instituições Filantrópicas (FONIF), traz importantes dados sobre a atuação das instituições filantrópicas que atuam no país, além de mensurar o retorno para a sociedade como contrapartida de sua imunidade previdenciária.

Os nossos sócios José Roberto Covac, Kildare Meira e Janaina Rodrigues estiveram presentes no lançamento do estudo que aponta a existência de 27.384 instituições cadastradas no Cebas.

No Brasil, as instituições filantrópicas são parceiras do Estado na oferta de serviços gratuitos nas áreas de educação, assistência social e saúde. Ou seja, a filantropia cumpre a missão de criar oportunidades e mobilidade social para quem mais precisa.

Confira abaixo alguns dados levantados pelo FONIF que mostram a força do setor:

– Retrato do terceiro setor: 23% atuam com atividades de associações de defesa de direitos sociais; 17% são de organizações religiosas ou filosóficas; 10% com serviços de assistência social sem alojamento; 7% com atividades de atendimento hospitalar, exceto pronto-socorro; 6% trabalham com educação infantil – creche; 6% com foco no ensino fundamental; e 31% diluídos em outros 102 setores

– A imunidade às filantrópicas representou 4,3% do total de gastos tributários classificados pela Receita Federal. Como contrapartida, as instituições entregaram à sociedade R$ 9,79 para cada R$ 1

– Foram 230 milhões de procedimentos hospitalares realizados, 778 mil bolsas de estudo para alunos, 625 mil vagas para pessoas em situação de alta vulnerabilidade social

– Na saúde: Em 2020, 24% dos hospitais, e 36% dos leitos do SUS de UTI dedicados ao tratamento de Covid-19

– Na educação: Em 2020, 355 mil bolsas para alunos de educação básica, e 423 mil bolsas para o ensino superior

– Na assistência social: o setor corresponde a 40% das entidades de assistência social